Back to the streets again!

O título desse post refere-se a uma música heavy metal dos anos oitenta: “Back to the streets again”. Achei que era do Saxon, mas me enganei. Mas tenho certeza que ainda devo ter o videoclip dela gravado em algum canto das minhas boas e velhas fitas de VHS…

Mas, enfim, eis que o Titanic II voltou às ruas!

Ainda temos que pensar numa sintonia fina e alguns outros detalhezinhos.

Mas pelo menos o motor de quatro cilindros do 79 voltou a roncar firme e forte, agora como nova alma do 76. Ainda resta acertar a documentação, mas isso eu resolvo rapidinho (eu acho).

O motor de 4 cilindros foi devidamente instalado e readaptado no cofre do 76.

Em termos de “adaptação” a maior relevância foi para os suportes do radiador. Eles foram recortados da lataria do 79 e devidamente soldados na lataria do 76. Firmes e bem posicionados acabaram os problemas com radiador “caindo”…

Aqui o mesmo motor de um outro ângulo, sendo bom lembrar que agora deixamos a ignição eletrônica de lado e voltamos ao bom e velho platinado – no qual já mexi tanto quando das primeiras desventuras com o 79.

Mas que ainda é meio esquisito ver o Titanic II sem o seis cilindros vermelhão no cofre, isso lá é. E, em termos de potência somente numa troca como essa é que a gente percebe a verdadeira diferença de um para outro. Se bem que, como eu já disse, ainda acho que falta uma sintonia fina nesse motor… Devo acertar isso ainda esta semana.

E, dentro em breve, o 79 já deve voltar para casa também. Creio que ainda falta instalar nele o diferencial que estava no 76.

Enquanto isso, é bom estar de volta às ruas novamente!

😀