Ferrugem na família

E eis que meu irmão do meio (eu sou o caçula) resolveu assumir a sua cota de ferrugem que circula no sangue da família! Se meteu a reformar – ele mesmo – um velho fusca que (sei lá onde) arranjou… Só que como ele mora num apartamento e não tem espaço possível para tal empreitada, resolveu que faria isso lá na oficina do Seo Bento, vulgo “nosso pai”!

Essa empreitada começou em maio deste ano, quando vi o fusca pela primeira vez. Ruinzinho, bem ruinzinho… Mas ainda assim a anos-luz de perfeição se comparado ao estado do Titanic quando comecei!

Clique na imagem para ampliar!

 

Clique na imagem para ampliar!

 

Clique na imagem para ampliar!

 

Clique na imagem para ampliar!

 

Clique na imagem para ampliar!

E estas fotos já são mais recentes, agora do final de julho!

Clique na imagem para ampliar!

 

Clique na imagem para ampliar!

Preciso é arranjar um apelido pra essa baratinha azul cascuda… 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *